Memória da Música

> Banco de Dados - História e música na universidade

Negociações de um sedutor: trajetória e obra do compositor Goiá no meio artístico sertanejo (1954-1981).

Tipo de documento:
Dissertação de mestrado

Autor:
Diego de Souza Brito

Orientador:
Maria Clara Tomaz Machado

Local:
UFU/MG - DH

Data:
2009

Publicação - Livros / Artigos

Palavras-chave:
Décadas de 1960 e 1970; Música Sertaneja; Goiá; Biografia; Goiás

Resumo:
Texto em formato digital:
http://www.bdtd.ufu.br/tde_busca/processaPesquisa.php?nrPagina=1&pesqExecutada=0&nrExpressoes=1&campo%5B0%5D=TODOS&texto%5B0%5D=sedutor&Submit=Buscar+%BB&qtdRegPagina=5


O presente estudo tem como tema a análise das experiências vivenciadas por um artista iniciante que dedicou esforços para realizar o sonho de edificar uma carreira no gênero musical sertanejo durante as décadas de 1960 e 1970. Este período é marcado por profundas transformações tanto sociais – urbanização, industrialização, migração campo/cidade, desintegração da cultura rústica –, quanto no referente ao próprio gênero (a transição da chamada música caipira para a música sertaneja e a massificação desta última por uma indústria fonográfica que definitivamente se consolidaria no Brasil a partir da década de 1970). Para tanto elegemos como foco de análise a trajetória artística e a obra do compositor e intérprete Gerson Coutinho da Silva, o Goiá, tido pelos artistas do gênero, público e crítica, como um dos mais expressivos compositores sertanejos destas décadas.

apoios

2014 © Entre a Memória e a História da Música.